Resenha do livro: Os assassinos do cartão-postal


Título Original: The Postcard Killers
Nome dos autores: James Patterson e Liza Marklund
Número de páginas: 304
Editora: Arqueiro
Nota pessoal: 5/5


    Europa, ótimo lugar para viajar, para descontrair. Com suas belezas, naturais e não naturais, ela encanta a muitos e é lá que a estória acontece. Uma onda de assassinatos está acontecendo e logo após cada assassinato o jornal local recebe um cartão-postal e uma foto dos mortos. 
    Todos os crimes acontecem com jovens casais. Mas quem será que está por trás dessas atrocidades? Jacob Kanon é um detetive da NYPD e está muito interessado em prender os assassinos pois, sua filha e o namorado dela foram mortos por esses loucos. 
    Em Estolcomo a estória vai ter seu momento mais importante. A jornalista escolhida pelos assassinos foi Dessie Larsson. Ela ficou desesperada quando recebeu o cartão-postal e a foto, por que logo ela? O que a choca mais é que ela não é tão importante no jornal em que trabalha, geralmente só faz pequenas reportagens e que são relacionadas a furtos e roubos. Mas Jacob a ajudar a superar o clima pesado que a está rondando. Sua ex, Gabriela, é uma policial em Estolcomo e ela a ajuda a resolver o caso, um pouco a contra gosto. Quando pensamos que tudo acabou, os autores nos surpreendem com novas pistas e suspeitos.

   Esse é o primeiro livro de James que leio e gostei muito do seu estilo, não é uma leitura cansativa e sim convidativa, a cada capítulo uma nova emoção.

Quote: "Lendas sempre morrem jovens. Mas nós não."

Compartilhe!

Comente este post!

    Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Dávila Vasconcelos. Tecnologia do Blogger.